Compartilhar no facebook
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no tumblr
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Uma possível flexibilização para o setor de eventos no Espírito Santo a partir do mês de setembro será avaliada pelo governo do Estado nesta sexta-feira (27). A expectativa é de que sejam liberados shows e eventos para até 600 pessoas, desde que o público apresente comprovante de vacinação contra o coronavírus.

Atualmente, só estão liberados eventos sociais como festas de aniversário, formaturas e casamentos ou reunião com lista fechada de participantes. A capacidade máxima permitida pelo governo estadual é de até 300 pessoas nos municípios classificados no risco baixo para a transmissão da covid-19 e não há necessidade do comprovantes de vacinação. 

As únicas cidades que estão na área amarela do mapa desde segunda-feira (23) são Alto Rio Novo e Rio Bananal.

Desde o dia 1º de agosto, cada cerimonial pode ter uma ocupação limitada a 50% de sua capacidade máxima, desde que não ultrapasse 600 pessoas. As regras sanitárias para prevenção contra o coronavírus permanecem as mesmas: uso de máscaras e de álcool 70%.

Além disso, caso o número de participantes do evento seja maior do que 300, cada convidado deverá apresentar um comprovante de que recebeu pelo menos a primeira dose da vacina contra a covid-19 ou um teste negativo para a doença, feito em até 48 horas antes do evento.

“Se alguém quiser fazer um evento com até 600 pessoas, tem que ter uma lista de presença, com nome completo das pessoas. E a pessoa tem que ter ou a carteira de vacina, comprovando que já se vacinou pelo menos com a primeira dose, ou o teste de no máximo 48 horas antes do evento social”, explicou Casagrande no dia 16 de julho.

Caso tenha alguma mudança, o governador Renato Casagrande dará todos os detalhes durante pronunciamento nesta sexta-feira (27).

Fonte: Folha Vitória